É de conhecimento geral, que após a inicialização de uma obra no ambiente industrial é normal a presença de certas sujidades na superfície do piso, portanto fica mais difícil se locomover entre os espaços, atrapalhando o andamento da obra.

Com base nessa informação e com a presença das novas tecnologias foram criados e fornecidos maquinários providos de alto potencial técnico próprios para remover tal substância, dado como exemplo o aspirador de pó industrial.

De uma forma ampla definimos esse aspirador como ideal para realização dessa tarefa, pois além de ser composto por ciclones que separam perfeitamente a textura do pó, "fino e grosso" ele adere em suas particularidades o essencial para remover até 95% dos resíduos presentes na superfície do piso.